Pesquisar este blog

Carregando...

quarta-feira, 5 de agosto de 2009

PREGAÇÃO CULTO DE FAMILIA

Em 1º JOÃO 2:4, está escrito que: se alguém diz que conhece a Deus, mas não segue os seus mandamentos é mentiroso e não há verdade em si. Mas qualquer que guarda a verdade o amor de Deus está nele aperfeiçoado. Aquele que diz que está nele, também deve andar como Ele andou. Portanto é impossível conhecer a Deus e ainda assim, manter-se alheio as suas leis.
A palavra de Deus nos relata em FILIPENSES 2:8 que Jesus foi Humilde e obedeceu a Deus até a morte. Logo depois dessa afirmação, a bíblia nos trás outra que diz assim: morte de cruz.
Eu creio meus queridos que essa segunda afirmação não foi posta ali por acaso ou simplesmente para dar ênfase à frase, mas sim, para nos mostrar que Jesus foi obediente, apesar das acusações e de todas as dificuldades, (superadas, claro), mesmo sendo todas elas levianas.

Ser obediente a Deus, não significa simplesmente deixar de cometer “GRANDES PECADOS”. Afinal, pecar é desobedecer, indiferente do pecado cometido.
Quando se pratica, homicídio, furto, adultério, idolatria, etc. Comete-se pecado. Porem, quando mentimos, falando alguma inverdade contra o “nosso próximo”, também pecamos. Portanto, não é o tamanho, nem o tipo de pecado que caracteriza a desobediência, mas, sim o não cumprimento da lei de Deus.
DEUTERONÔMIO 5:1-21 (Olhai, pois que façais como vos mandou o Senhor vosso Deus; não declinareis, nem para a direita nem para a esquerda. Andais em todo o caminho que vos manda o Senhor vosso Deus, para que vivais e bem vos suceda, e prolongueis os dias na terra que haveis de possuir.

A palavra de Deus nos diz em MATEUS 22:36-40 que devemos amar a Deus de todo o nosso coração, alma e pensamento. Semelhantemente devemos amar ao próximo como a nós mesmos. Afirmando que disso depende toda a lei e os profetas.
Entende-se que, se não o fazemos assim, também estamos em desobediência.
Às vezes, pensamos que o nosso próximo é aquele que está bem do nosso lado, como estão nossos vizinhos, amigos e familiares. Contudo ; acredito que quando Jesus disse que deveríamos amar ao próximo como a nós mesmo, Ele se referia aos nossos semelhantes, sejam eles nossos conhecidos, ou não.
Jesus não se refere aqui apenas aos nossos parentes, amigos e vizinhos. Mas sim àqueles que se encontram carentes e necessitados, seja física ou espiritualmente.
(Evangelho de Lucas cap.10 vers. 25 a 37)


PARÁBOLA DO BOM SAMARITANO
E eis que certo homem, intérprete da Lei, se levantou com o intuito de pôr Jesus à prova e disse-lhe: Mestre, que farei para herdar a vida eterna? Então, Jesus lhe perguntou: Que está escrito na Lei? Como interpretas? A isto ele respondeu: Amarás o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma, de todas as tuas forças e de todo o teu entendimento; Amarás o teu próximo como a ti mesmo.
Então, Jesus lhe disse: Respondeste corretamente; faze isto e viverás.
Ele, porém, querendo justificar-se, perguntou a Jesus: Quem é o meu próximo? Jesus prosseguiu, dizendo: Certo homem descia de Jerusalém para Jericó e veio a cair em mãos de salteadores, os quais, depois de tudo lhe roubarem e lhe causarem muitos ferimentos, se retiraram , deixando-o semimorto. Ocasionalmente descia pelo mesmo caminho um sacerdote; e, vendo-o, passou de largo. Semelhantemente, um levita descia por aquele lugar e, vendo-o, também passou de largo. Certo samaritano, que seguia o seu caminho, passou-lhe perto, e, vendo-o, compadeceu-se dele. E, aproximando-se atou-lhe as feridas, aplicando-lhes óleo e vinho; e, colocando-o sobre o seu próprio animal , levou-o para uma hospedaria e tratou dele . No dia seguinte, tirou dois denários e os entregou ao hospedeiro, dizendo: Cuida deste homem, e, se alguma coisa gastares a mais, eu to indenizarei quando voltar. Qual destes três te parece ter sido o próximo do homem que caiu nas mãos dos salteadores? Respondeu-lhe o intérprete da Lei: O que usou de misericórdia para com ele. Então, lhe disse Jesus: Vai e procede tu de igual modo.

Além disso; a bíblia também nos orienta, a cerca da educação de nossos filhos.
Quantos de nós temos negligenciado essa orientação?
Quantos de nós temos dito: “FAÇA O QUE EU FALO NÃO O QUE EU FAÇO”.
Devemos ser coerente entre o nosso agir e o nosso falar. Não podemos dizer uma coisa e fazer outra. Não podemos apontar os defeitos dos outros se não somos capazes de identificar os nossos próprios defeitos.

Novamente em I João 2:4. (Aquele que diz: Eu conheço-o, e não guarda os seus mandamentos, é mentiroso, e nele não há verdade.

* VOCÊ TÊM SIDO UM MENTIROSO, MEU IRMÃO?

* TEM HAVIDO VERDADE EM TI?

Irmãos, quando nos viramos para direção contraria a que estamos, torna-se possível ver o outro lado. Mas Deus não pede pra que eu e você nos viremos para que Ele possa ver o nosso outro lado, porque é assim que Ele nos vê. Ele vê a mim e a você pelo avesso. Ele nos vê de dentro pra fora.
Deus requer de nós obediência.
Obedecer a Deus significa submissão. Isso às vezes implica em abrir mão de algo que queremos ou possuímos.
Em I Pedro 1:14 –16-22.23.24.25 está escrito: Como filhos obedientes, não vos conformando com as concupiscências que antes havia em vossa ignorância; mas, como é santo aquele que vos chamou, sede vós também santos em toda a vossa maneira de viver. Porquanto está escrito: Sede santo, porque eu sou santo. 22. Purificando as vossas almas na obediência à verdade, para caridade fraternal, não fingida; amai-vos ardentemente uns aos outros com o coração puro; sendo de novo gerados, não de semente corruptível, mas da incorruptível, pela palavra de Deus, viva, e que permanece para sempre. Porque toda a carne é como erva, e toda a gloria do homem como a flor da erva. Secou-se a erva, e caiu a sua flor; Mas a palavra do Senhor permanece para sempre...
Irmãos; devemos ser obedientes a Deus e não deixarmos que as nossas vidas sejam dominadas pelos desejos da carne. Desejos que nos dominavam quando ainda éramos ignorantes, quando ainda, não conhecíamos a Deus. Mas hoje já o conhecemos não somente de ouvir falar, hoje já podemos sentir a sua presença e o Seu agir na nossa vida. Hoje, podemos caminhar com Ele.

Em LUCAS 6:47 – 49 está escrito: Qualquer que vem a mim e ouve as minhas palavras, e as observa, eu vos mostrarei a quem é semelhante.
É semelhante ao homem que edificou uma casa, e cavou, e abriu bem fundo, e pôs os alicerces sobre a rocha; e vindo à enchente, bateu com ímpeto a corrente naquela casa, e não pôde abalar, porque estava fundada sobre rocha.
Mas o que ouve e não pratica é semelhante ao homem que edificou uma casa sobre terra, sem alicerces, na qual bateu com ímpeto à corrente, e logo caiu; e foi grande a ruína daquela casa.

Que nós possamos ser como uma casa bem construída. Alicerçada sobre a “Rocha”.
Que o nosso alicerce seja construído segundo a palavra do Senhor e que Ele seja a nossa base. Sendo assim, verdadeiramente, não haverá sofrimento capaz de se comparar com a gloria que nos será revelada no futuro.



Mary Layne Fernandes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ASSIM DIZ O SENHOR: AQUELE QUE CRER E FOR BATIZADO, SERÁ SALVO

ASSIM DIZ O SENHOR: AQUELE QUE CRER E FOR BATIZADO, SERÁ SALVO
Loading...

Nada pode calar um adorador

Musica:Nada pode Calar um Adorador | Artista:Eyshila
Mais Musicas Solouvor.net

"A GRAÇA DA GARÇA"